Investir em negócio próprio é a alternativa encontrada para superar a crise e o desemprego

Investir em negócio próprio é a alternativa encontrada para superar a crise e o desemprego

A crise econômica e a alta do desemprego têm refletido diretamente na relação das pessoas com o dinheiro. Cada vez mais se busca alternativa para gerar e até mesmo aumentar a renda familiar. A necessidade de acesso a recursos financeiros mais fáceis tem resultado diretamente na busca por microcrédito, que tem como foco microempreendedores formais e informais. No primeiro semestre deste ano, a Instituição Comunitária de Crédito Blumenau-Solidariedade (BluSol), voltada ao fomento de pequenos negócios, registrou um aumento de 10% na procura por microcrédito em Santa Catarina em relação ao mesmo período do ano passado. São 4.969 operações financeiras do gênero realizadas, injetando na economia catarinense mais de R$ 19,1 milhões. O setor de serviços é o que tem maior procura. Cidades como Joinville, Brusque, Navegantes, Jaraguá do Sul e São José são as que apresentam maior crescimento na procura pela linha de financiamento. “Por se tratar de uma modalidade com menos exigências burocráticas e com aprovação e liberação de recursos mais rápida, muitas pessoas buscam o microcrédito para conseguir abrir seu próprio negócio e gerar renda para a família”, afirma Ralf Marcos Ehmke, presidente da BluSol. Aos 61 anos, Hamilton Pereira Rodrigues, de Navegantes, buscou o microcrédito para retomar um sonho antigo após ficar desempregado. Ele teve seu restaurante atingido pela enchente de 2011 e depois disso não conseguiu reabrir o negócio. Ele buscou outras oportunidades de trabalho, mas, no fim de 2016, após ficar sem emprego, decidiu focar seus esforços na abertura de um novo estabelecimento. “Encontrei uma oportunidade para abrir um restaurante em Itajaí, mas precisava de dinheiro para realizar a reforma do local. Foi aí...
Projeto promove ensaios musicais abertos à comunidade em Blumenau

Projeto promove ensaios musicais abertos à comunidade em Blumenau

Quem já viu de perto um violino ou acompanhou um concerto? Nem todo mundo, não é mesmo? Foi pensando nessa realidade que surgiu o projeto Música no Vale Europeu. Desenvolvido pelo Espaço Kan, por meio da Lei Rouanet, o trabalho quer aproximar a comunidade de Blumenau e região da música instrumental de um jeito simples e sem custos. A iniciativa acontece todas as terças-feiras, quando a escola realiza ensaios abertos com seus alunos no Mausoléu Dr. Blumenau.  O coordenador do projeto, Sérgio Stein, explica que a música é um elemento cultural de muito valor para a sociedade e estimular a sua aprendizagem e dar visibilidade à produção são maneiras de colaborar para o desenvolvimento social do país. Quem acompanha os ensaios conhece, por exemplo, o trabalho realizado com uma orquestra e pode ver de perto os músicos tocando instrumentos como piano, violino, flauta e violoncelo. “Em alguns momentos temos a participação de corais e alunos de canto. São 30 alunos que participam dos ensaios abertos e cerca de 60 coralistas”, conta Stein. A primeira etapa do projeto foi realizada em junho e culminou no Concerto de Inverno Kan, com uma apresentação gratuita no Teatro Carlos Gomes. A ideia para a segunda fase é a mesma: formar plateia para os ensaios e depois promover um novo concerto gratuito ao público. “Por meio deste projeto, enfatizamos nossa missão de promover e estimular a regionalização da produção cultural e artística local, dando visibilidade aos músicos instrumentais e aos profissionais da cultura da cidade de Blumenau”, aponta a maestrina e diretora artística Lígia Stein. Ensaios abertos Espaço Kan Quando: todas as terças-feiras de...
25 pratos para saborear em agosto no Roteiro Blumenau Gastronômico

25 pratos para saborear em agosto no Roteiro Blumenau Gastronômico

Para aproveitar os dias de frio que devem chegar no mês de agosto, listamos os 25 pratos que serão atração na primeira edição de inverno do Roteiro Blumenau Gastronômico. No cardápio estão massas, pizza, hambúrgueres, doces e muito mais. E o melhor: tudo com valores que variam de R$ 9,90 a R$ 69,90 por pessoa. Como não dá para aproveitar tudo de uma vez, tem agosto inteiro – do dia 1° ao 31 – para visitar cada estabelecimento participante. Do café da manhã ao jantar, não vão faltar opções gastronômicas para se aquecer no frio da estação. O Roteiro Blumenau Gastronômico é uma realização da Sol Eventos para valorizar a gastronomia da região, além de atrair turistas para a cidade. Os estabelecimentos que integram o evento também serão identificados com um totem especial. Confira abaixo as delícias que eles vão apresentar e programa-se:   Pasta Alemão Batata – Alemão Batata   Massa penne, cubos de filé mignon, molho da casa e queijo parmesão.   Pizza da Estação – Âme Gastronomia Funcional Massa fininha, sem glúten, lácteos e soja. À base de farinha de linhaça dourada, com molho de tomate orgânico, mozzarella e ricota de búfala, pupunha, pinhão, tomate cereja e manjericão frescos.   Pão com Bolinho Frischkaze – Benkendorff Kaffee A verdadeira receita do bolinho de carne, com mais de 58 anos de história na cidade, acompanhado de queijo philadelphia, tomate seco, rúcula e um toque de azeite de oliva, debruçado no clássico pão francês.   Bull Cogumelos – Bull Hambúrguer e Carnes na Brasa Pão ciabatta, hambúrguer 180gr, molho da casa, cogumelos salteados na manteiga, lascas de parmesão,...
Parcelamento especial auxilia 1,9 milhão de MEIs em dívida com a Receita

Parcelamento especial auxilia 1,9 milhão de MEIs em dívida com a Receita

Com a crise econômica e o aumento do desemprego no Brasil, muitas pessoas têm optado por abrir seus próprios negócios como forma de sustento. Somente no ambiente do Microempreendedor Individual (MEI) são cerca de 7 milhões de brasileiros, sendo que aproximadamente 27% dos participantes do programa possuem débitos com a Receita Federal do Brasil (RFB). O número equivale a pouco mais de 1,9 milhão de MEIs que devem cerca de R$ 1,6 bilhão. Até 02 de outubro, no entanto, é possível solicitar o parcelamento da dívida em até 120 meses e regularizar a situação junto ao Fisco. Segundo o diretor político-parlamentar da Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas (Fenacon), Valdir Pietrobon, o parcelamento pode ser uma saída para o microempreendedor se manter na atividade, mas é importante ficar atento aos prazos e ao melhor planejamento para o pagamento dessas dívidas. “Todo parcelamento é bom, mas não adianta fazer sem orientação e atenção a detalhes como o valor mínimo da parcela, que é de R$ 50. É preciso deixar claro para o MEI quais os compromissos para continuar a receber os benefícios”, explica. E uma opção eficiente para auxiliar os microempreendedores nessas questões é a consulta a um empresário contábil, que indicará a melhor estratégia para esses negócios. “A grande maioria dos MEIs que está em dia conta com a ajuda desses profissionais. Por isso é importante, antes de entrar em qualquer parcelamento ou renegociação, procurar orientação especializada”, afirma o presidente do Sescon Blumenau, Jefferson Pitz.   PERT A Fenacon continua na busca da inclusão das empresas participantes do Simples Nacional dentro do Programa Especial de Regularização Tributária (PERT),...
Evento gratuito promove diversão entre pais e filhos em Blumenau

Evento gratuito promove diversão entre pais e filhos em Blumenau

Criar, aprender e divertir. Estes são os verbos que definem o #VemSerMaker, evento que abre as portas de sua primeira edição neste sábado em Blumenau. Voltadas especialmente para pais e filhos, as atividades gratuitas que serão oferecidas pelo Espaço de Educação Maker do SESI (Rua Itajaí, 3.434, Vorstad) incluem oficinas de fotografia, robótica, culinária infantil, pintura de camisetas e até paisagismo e hortas. Segundo a organização, são esperadas cerca de 500 pessoas na data. Quem quiser exercitar o raciocínio através da brincadeira também poderá participar de jogos de puzzle e quebra-cabeças, e os participantes que gostam de usar a imaginação poderão curtir a oficina de prototipagem. Haverá ainda um labirinto da lógica e a confecção de um jogo de neurociência com materiais totalmente reciclados, e que poderá ser levado para casa no fim do dia. O Espaço Anexo ao Complexo Esportivo Bernardo Werner (SESI Blumenau), o Espaço de Educação Maker é um local educativo que se inspira e dialoga com as tendências e movimentos contemporâneos. Nesse espaço, crianças e jovens participam de projetos e atividades das áreas de Ciências, Matemática, Tecnologia e robótica e Comunicação e mídias, exercitando criatividade, inovação, aprendizado e a colaboração. SERVIÇO O quê: 1º #VemSerMaker, evento com oficinas e jogos voltados para pais e filhos Quando: 29 de julho, das 10h às 17h, no Espaço de Educação Maker do SESI (Rua Itajaí, 3.434, Vorstad, Blumenau) Quanto: Grátis Mais informações: (47) 3231-5200 Mais informações: Presse Comunicação Empresarial – Assessoria de Imprensa Blumenau – Santa Catarina (47) 3041-2990 ou 3035-5482 |...

Presse - Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por: