Aditivos químicos: como eles auxiliam o setor de construção?

Especialista explica como os aditivos melhoram a performance da obra

Os aditivos químicos são substâncias adicionadas às argamassas ou concretos com finalidade de modificar as propriedades da massa fresca ou do produto final. Normalmente eles são adicionados em pequenas quantidades, não ultrapassando 5% do volume final da massa.

A utilização destes produtos permite a aplicação do concreto em locais que seriam impossíveis por meio da mistura simples, por exemplo, os concreto utilizados em ambientes submersos.

No setor de construção, eles têm sido cada vez mais utilizados, pois provocam alterações na consistência e fluidez das massas, no tempo de cura e na permeabilidade.

O diretor da Camargo Química, Fábio Camargo, explica que o produto facilita e agiliza as etapas da construção no canteiro de obras. “Os aditivos químicos são excelentes aliados do setor de construção, pois, com mais agilidade e facilidade, é possível reduzir custos”, comenta.

Entenda o que é cada tipo de aditivo

Aditivos plastificantes: estes aditivos agem de forma a reduzir a quantidade de água da mistura do concreto ou argamassa em até 12%, sem que haja perda da trabalhabilidade.

Aditivos superplastificantes: os aditivos superplastificantes são adicionados em menor quantidade, pois eles agem de forma mais acentuada, chegando até 40% do volume de água na mistura.

Aditivos incorporadores de ar: este tipo de aditivo age diminuindo a tensão superficial da água e auxiliando a incorporar microbolhas de ar na mistura. Quando utilizado, ele proporciona uma economia no consumo de cimento, maior plasticidade, impermeabilidade e resistência aos ataques químicos.

Aditivos impermeabilizantes: os aditivos impermeabilizantes atuam nos poros das argamassas e concretos. Eles formam uma película que absorve a água e ao mesmo tempo auxilia a repelir água, impermeabilizando o poro.

Aditivos aceleradores de pega: atuam acelerando o tempo de pega e cura através da aceleração das reações de hidratação e endurecimento da massa. Eles facilitam a dissolução da cal e da sílica nos silicatos, e da alumina nos aluminatos. Isso faz com que o concreto tenha um forte desenvolvimento da resistência no início do tempo da secagem.

Aditivos retardadores de pega: este tipo de aditivo atua de forma contraria ao aditivo acelerador, os aditivos retardadores de pega têm a função de retardar a hidratação inicial do cimento. Ao retardar a hidratação do cimento, ele retarda o endurecimento da massa, permitindo um maior tempo de manuseio do concreto.

Camargo ressalta que,para obter todas as vantagens proporcionadas pelos aditivos, é essencial estudar e entender em detalhes as especificidades da obra. “O ideal é verificar com uma empresa especializada qual aditivo deve ser utilizado, só assim será possível escolher o produto adequado, evitando complicações futuras”, comenta.

 

Sobre a Camargo Química

Empresa com mais de 12 anos de atuação do mercado de construção civil, metal mecânico, moveleiro, água e commodities. Com soluções inovadoras, a empresa possui sede em Blumenau (SC) e uma unidade em Goiás.

Possui uma ampla estrutura de profissionais e uma equipe de consultores técnicos especialistas que atuam em todo o território nacional. Para saber mais, acesse: www.camargoquimica.com.br

 

Mais informações:
Presse Comunicação Empresarial – Assessoria de Imprensa
Blumenau – Tubarão (Santa Catarina)
(47) 3041-2990 ou 3035-5482 | www.presse.inf.br

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Presse - Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por: