Asma e alergia, males das baixas temperaturas

Dia Mundial de Combate à Asma e Dia Nacional de Prevenção à Alergia alertam para os cuidados com a saúde no outono e inverno.

O verão já acabou e os termômetros estão baixando. Com o frio, é comum buscar alternativas para fugir dos ares gelados, como locais fechados e de pouca ventilação. Entretanto, nestes ambientes e durante os dias de outono e inverno a umidade do ar fica alterada e as bactérias, os ácaros e os vírus que ocasionam as doenças respiratórias ficam propícios a se proliferarem, atingindo mais facilmente as pessoas. Por isso, a Asma Brônquica, popularmente conhecida como Bronquite Alérgica, a Rinite e outras alergias, são lembradas para combate e prevenção em 6 e 7 de maio – Dia Mundial de Combate à Asma e Dia Nacional de Prevenção à Alergia, respectivamente.

A Organização Mundial de Saúde aponta que aproximadamente 300 milhões de pessoas sofrem de Asma. Já no Brasil, dados do Sistema Único de Saúde registram que a doença é a terceira principal causa de internação hospitalar. Segundo o pneumologista do Hospital Dia do Pulmão, Dr. Mauro Kreibich, a inflamação crônica das vias aéreas tende a piorar quando há exposição aos alérgenos respiratórios. Por isso a importância de lembrar as duas datas e de conscientizar as pessoas portadoras de Asma para que haja cuidado redobrado durante as baixas temperaturas.

A Asma consiste no estreitamento de canais de ar dos pulmões, os chamados brônquios, o que dificulta a respiração, causando tosse seca, chiado e sensação de aperto no peito. É uma doença que pode surgir desde a infância e que não tem cura, mas possui tratamento que, na maioria dos casos, permite vida normal, evitando as crises e seus agravamentos.

As característica genéticas e ocorrências familiares variam de caso para caso, assim como os sintomas podem ser mais fortes ou mais leves em diferentes indivíduos. Entretanto, Dr. Kreibich explica que em mais de 50% das situações os agentes que se manifestam no ar, como poeira e mofo, assim como as doenças infecciosas, como resfriados e gripes, são os principais inimigos dos asmáticos. “É preciso estar atento aos sintomas e agravamentos, além de dobrar os cuidados durante o outono e inverno, já que estes agentes aéreos e doenças infecciosas se manifestam facilmente nos ambientes fechados e podem piorar os quadros de Asma. As mudanças de temperatura e outros elementos aerodispersíveis (pós, poeiras, gases e produtos químicos) são outros fatores que geram preocupação para quem sofre de Asma, pelo fato das vias respiratórias mais sensíveis”, ressalta.

Cuidados

Para evitar que as alergias e, consequentemente, as crises de Asma se desenvolvam neste período é importante realizar algumas medidas de prevenção. Confira as dicas do Dr. Kreibich:

– Se alimente adequadamente e coma verduras, legumes e frutas. Além disso, beba muita água todos os dias. Isso deixará o organismo bem hidratado e com a imunidade mantida, auxiliando para que os vírus e as bactérias não comprometam o organismo;
– Mantenha as mãos sempre limpas para impedir contaminações. Lave-as com água e sabonete antisséptico ou com álcool em gel. Se precisar usar lenços, dê preferência aos descartáveis;
– Mantenha a casa limpa, livre de sujeiras e poeiras, e as janelas abertas, para que os cômodos tenham ventilação adequada;
– Use panos úmidos para limpeza do pó domiciliar, evitando que a poeira seja dispersa no ambiente;
– Utilize capas especificas (com filtro H.E.P.A) para cobertores, travesseiros e colchões;
– Exponha as roupas ao calor (ferro elétrico, máquina de secar ou sol), para diminuir a propagação de Ácaros (principal alérgeno respiratório);
– Se a umidade do ambiente permanecer alta com as medidas habituais, avalie a possibilidade de utilizar os desumidificadores;
– Evite ambientes poluídos por qualquer pó, poeira, gases ou produto químico. O tabagismo ativo ou passivo também deve ser evitado;
– A vacinação antigripal beneficia em muito a prevenção das infecções respiratórias, frequentemente responsáveis pelo desencadeamento das crises respiratórias;
– Pratique esporte com regularidade e frequência.

Mais informações:
Presse Comunicação Empresarial – Assessoria de Imprensa
Blumenau – Santa Catarina
(47) 3041-2990 ou 3035-5482 | www.presse.inf.br

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Presse - Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por: