Facebook permitirá visualização dos anúncios feitos por páginas

Facebook permitirá visualização dos anúncios feitos por páginas

Inicialmente, em fase de testes no Canadá e com previsão de início nos Estados Unidos até meados do próximo ano, a nova funcionalidade do Facebook permitirá que usuários vejam os anúncios criados por uma Fan Page. O objetivo é proporcionar mais transparência. Para visualizar os anúncios, bastará acessar um botão chamado View Ads (ver ads, em inglês), que mostrará todos os anúncios ativos da Fan Page, do Instagram e do Messenger. Todas as páginas de Facebook permitirão a visualização dos anúncios. Outra mudança é que anúncios relacionados a política contarão com mais etapas de segurança para serem aprovados na rede social. Para saber mais, sugerimos a leitura deste artigo de Luciano Larrossa. Mais informações: Presse Comunicação Empresarial – Assessoria de Imprensa Blumenau – Santa Catarina (47) 3041-2990 ou 3035-5482 |...
Novos formatos de publicação no Facebook e Instagram

Novos formatos de publicação no Facebook e Instagram

Na última semana, o Facebook começou a disponibilizar um novo formato de anúncio, chamado de Collection. Disponível apenas para celular, na novidade o usuário vai visualizar um vídeo, slideshow ou imagem principal mais quatro imagens secundárias. Mais abaixo, é possível acrescentar outros 50 produtos que carregarão em tela cheia no aplicativo do Facebook. A proposta é ser mais ágil em dispositivos móveis, além de aumentar o tempo de permanência na visualização do anúncio. Ao clicar, o usuário pode ir diretamente para a página de compra do produto. A Adidas já testou o novo formato e, de acordo com dados do Facebook, conseguiu um retorno de 5,3x sobre os gastos com o anúncio. Saiba mais aqui. Instagram Shopping Já o Instagram anunciou para o dia 4 de abril o lançamento do Instagram Shopping. A novidade permite marcar produtos nas imagens e direcionar o usuário para a compra ou para mais informações sobre cada produto da imagem ao clicar. Até agora, só era possível marcar outras pessoas ou empresas. Saiba mais aqui. Mais informações: Presse Comunicação Empresarial – Assessoria de Imprensa Blumenau – Santa Catarina (47) 3041-2990 ou 3035-5482 |...
SAC 3.0 – por que ele deve estar na sua estratégia de presença digital?

SAC 3.0 – por que ele deve estar na sua estratégia de presença digital?

Você provavelmente já ouviu a expressão SAC 3.0, mas sabe o que isso significa e por que ele deve fazer parte da sua presença nos meios digitais? Antes, é preciso conhecer um pouco da evolução do consumo na internet. O consumidor se desenvolveu junto com a evolução de seu relacionamento com as marcas que consome. O consumidor 1.0 nasceu praticamente junto com a internet e nesse momento, ele apenas navegava pelos sites das empresas e quase não tinha interação com elas. Já o consumidor 2.0 tinha à sua disposição na internet uma série de informações e dados que lhe permitiam pesquisar e escolher a melhor opção para suas necessidades de compra. O consumidor 3.0, por sua vez, é o dono do jogo. As marcas precisam chegar até ele e conquistá-lo, uma vez que ele é um indivíduo cheio de informação e que sabe que pode escolher o melhor produto, o melhor serviço e o melhor atendimento. Dentro deste contexto, o SAC 3.0, com o apoio de tecnologias diversas existentes hoje, é uma poderosa ferramenta para auxiliar as marcas a conhecerem a fundo seu perfil de cliente e analisar histórico de atendimentos realizados. Complementado por uma boa gestão de conteúdo, que atraia o interesse do consumidor; respostas e atendimentos rápidos, sinceros e honestos nas redes sociais, o SAC 3.0 pode ajudar a reforçar a marca da sua empresa na internet e alavancar negócios tanto nos meios online quanto off-line. Consulte a Presse para fazer a gestão das suas redes sociais e desenvolver o serviço de SAC 3.0 para o seu negócio!   Mais informações: Presse Comunicação Empresarial – Assessoria de...
Como ter mais engajamento nas redes sociais?

Como ter mais engajamento nas redes sociais?

Para muitas empresas, as mídias sociais ainda são um terreno delicado. Muitos estão lá apenas para “marcar presença” e não efetivamente prontos para dialogar e promover suas marcas. Todos sabem que as mídias sociais podem trabalhar a favor da organização, porém, o que muitos ainda não entendem é o quão bem devem usar as ferramentas disponíveis para criar autênticas interações sociais e engajamento. Mas, o que, é afinal, esse engajamento? Primeiro, não se trata apenas de uma única interacão com um de seus clientes, mas uma linha aberta de comunicação ao longo de um período de tempo. O termo “relacionamento com o cliente” pode vir à mente, porém o engajamento em mídia social é um pouco diferente. É sobre como você usa redes como Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn para criar uma experiência positiva com o cliente. Uma pesquisa da Venture Beat, que envolveu 11 mil entrevistados, mostrou que 17,4% dos usuários da internet queixam-se às marcas por meio das mídias sociais. Além disso, um relatório Dimensional Research descobriu que os clientes que enfrentavam uma má interação com o serviço ao cliente eram 50% mais propensos a compartilhar a má experiência nas mídias sociais. Com relatórios de engajamento, você pode ver como os clientes interagem com sua marca e o que eles estão dizendo em tempo real. Isto lhe dá uma oportunidade melhor de saber se sua equipe está respondendo rapidamente e eficazmente. Não só isso, mas com as ferramentas certas, você pode visualizar o alcance potencial de seu produto nas mídias sociais e quão bem seu marketing se envolve com os clientes. Diante disso tudo, você pode estar...
A sua empresa tem as habilidades digitais certas para 2017?

A sua empresa tem as habilidades digitais certas para 2017?

Na era pré-digital, gerente de Marketing e executivo de Marketing eram papéis comuns nos sites de recrutamento. Hoje, é mais provável vermos anúncios para gerente de Marketing Digital ou posições especializadas como gerente de Marketing de Conteúdo, Marketing de Pesquisa ou especialista em Inbound Marketing.   De acordo com uma pesquisa global realizada pela Robert Walters, nos EUA, esses papéis estão se tornando mais comuns em todo o mundo, enquanto a escassez de talentos deve intensificar-se. Para muitas organizações que procuram obter expertise na área digital, enquanto 81% têm uma estratégia digital, apenas 74% têm a estrutura e as competências internas necessárias para cumprir essa estratégia.   Quando as habilidades foram examinadas em uma escala global, a pesquisa observou que a estratégia e o planejamento apareceram como as principais deficiências no que diz respeito às habilidades nas organizações de acordo com 58% dos profissionais de marketing nos EUA, 55% no Reino Unido e 42% na Irlanda. Para os EUA em particular, 63% dos entrevistados que trabalham em papéis do marketing digital traçam uma batalha com essas habilidades específicas.   Ainda segundo o levantamento, as sete competências essenciais de marketing digital que sua força de trabalho terá que desenvolver neste ano são: Email Marketing/Automação de Marketing, Social Media, análise de multicanais, planejamento integrado de campanhas, marketing de conteúdo, SEO (busca orgânica) e Adwords.   Mas, como preencher essa lacuna? Uma opção é buscar especialistas com know-how e experiência fora da empresa, terceirizando algumas das atividades ligadas ao departamento de Marketing, como pesquisas, assessoria de imprensa, marketing de conteúdo, gerenciamento de redes sociais, inbound marketing, SEO, entre outras. Converse com a...
Nove componentes a considerar em um plano de Marketing de Conteúdo

Nove componentes a considerar em um plano de Marketing de Conteúdo

Todo profissional de marketing sabe o quanto planejar é importante. No entanto, muitas vezes nos esquecemos de alguns pontos fundamentais para este planejamento dar certo. O marketing de conteúdo é uma parte essencial de qualquer estratégia de marketing. Por isso, hoje damos algumas dicas do que considerar ao elaborar um planejamento de marketing de conteúdo.   Defina os objetivos progressivos Um plano de negócios bem sucedido começa com um conjunto de metas hierárquicas. Estabeleça metas quantificáveis de progresso anual, trimestral e mensal para que todos saibam o que devem atingir.   2) Quantifique o ROI A única maneira de saber se algo não está funcionando é quantificá-lo. Quaisquer aumentos no orçamento de marketing de conteúdo devem refletir uma geração de leads e um aumento de vendas apropriados em um determinado período.   3) Determine a finalidade do conteúdo Antes de criar conteúdo, você precisa identificar o motivo do mesmo. O foco interno, em última instância, é impulsionar as vendas, mas o marketing de conteúdo não é conteúdo de vendas. O conteúdo deve ser focado em criar uma imagem da marca e contar uma história.   4) Crie um calendário editorial Para manter as coisas funcionando sem problemas, é importante criar um calendário editorial mensal e anual. Use-o para trabalhar e entender os prazos finais enquanto atua em vários projetos. Com uma estratégia documentada de marketing de conteúdo, em uma semana você pode facilmente criar um plano de três meses.   Gere títulos “clicáveis” Se você usou uma manchete como “As empresas ensinam coisas úteis”, é improvável que você atraia muitos leitores. “12 lições de negócios de proprietários de empresas...

Presse - Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por: