Dia Mundial da Saúde alerta para aumento de casos de câncer

O câncer de pulmão está entre o tipo mais comum e grave, atingindo cerca de 13% da população mundial.

O mês de abril é marcado por duas datas importantes para a área da saúde. No dia 07, é comemorado o Dia Mundial de Saúde, data criada em 1948 pela Assembleia Mundial da Saúde, com o objetivo de conscientizar a população sobre qualidade de vida e fatores que podem afetar a saúde. Já no dia 08, a conscientização é acerca do câncer. O Dia Mundial de Combate ao Câncer, criado pela Organização Mundial de Saúde, visa alertar e conscientizar os pacientes sobre a segunda doença que mais mata no mundo. Somente o câncer de pulmão atinge cerca de 13% da população mundial, representando 1,8 milhões de casos.

No Brasil, dados do Instituto Nacional do Câncer revelam que somente no ano passado, foram registrados 574 mil novos casos de câncer de pulmão. O pneumologista do Hospital Dia do Pulmão, dr. Kreibich explica que os fumantes são os principais afetados pela doença, tendo risco de até 30 vezes maior do que os não fumantes. “Os  sintomas  são na maioria das vezes inespecíficos, confundidos com os de outras doenças respiratórias.  A tosse persistente , sangramento pelas vias respiratórias, rouquidão e desconforto torácico são indicativos de necessidade de investigação clinica. Além disso, pneumonia de repetição também pode representar o estágio inicial da doença”, orienta. Entre os principais fatores de risco, o mesmo cita a exposição ao cigarro e histórico de câncer de pulmão na família.

Prevenção

Kreibich explica que além de evitar a exposição ao tabaco, a forma de prevenir a doença é manter hábitos saudáveis de vida (alimentar e de atividade física regular)  Além disso, deve-se evitar a exposição a alguns agentes químicos, como arsênio, cromo, radônio, urânio, gás de mostarda e cloreto de vinidrmaurola. “A exposição constante à poluição e infecções pulmonares freqüentes também merecem atenção, pois podem levar ao aparecimento da doença”, indica.

O médico também reforça a importância dos fumantes deixarem o hábito, não só por conta do risco de contrair a doença, mas também pelo aumento e melhora na qualidade de vida. “Precisamos fazer com que a população entenda o quanto o tabaco é nocivo a saúde. O Hospital Dia do Pulmão é uma das instituições médicas catarinenses que abraçam a causa pelo fim do tabagismo, por meio de uma abordagem cognitiva comportamental para quem deseja parar de fumar, com o Programa de Apoio ao Abandono do Tabagismo (Proaat)”. Kreibich explica que o projeto, que existe desde 1998, consiste em reuniões regulares gratuitas, abertas à comunidade, no Centro de Estudos da unidade hospitalar. O objetivo é conscientizar e motivar o fumante, junto ao apoio de seus familiares, a deixar o vício.

Sobre o Hospital

O Hospital Dia do Pulmão atua em Blumenau desde 1982, com prestação de serviços voltados ao diagnóstico e tratamento de doenças respiratórias. Destacam-se nesta trajetória pioneira, a introdução da nebulização ultrassônica, fisioterapia respiratória e pneumologia pediátrica.

A partir de 2003, a estruturação física e funcional permitiu a formatação da abordagem em regime de Hospital Dia, possibilitando agilizar o atendimento por meio da realização dos exames complementares e o início do tratamento no mesmo dia.

Atualmente a introdução da alergologia, otorrinolaringologia e cirurgia torácica permitirá a maior qualificação do atendimento do HDP, com a realização de procedimentos diagnósticos e terapêuticos inéditos na região de Blumenau que confirmam  a característica de Centro de Referência  do Hospital dia do Pulmão.

www.hospitaldopulmao.com.br

Mais informações:
Presse Comunicação Empresarial – Assessoria de Imprensa
Blumenau – Santa Catarina
(47) 3041-2990 ou 3035-5482 | www.presse.inf.br

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Presse - Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por: