Reformas impactam no mercado financeiro

Além de todos os impactos sociais, as reformas trabalhista e previdenciária têm mostrado suas consequências também no mercado financeiro, impactando diretamente na Bolsa de Valores e no câmbio. Segundo o economista Fausto Curadi, da Interinvest Investimentos, com a aprovação das reformas pelo Congresso, a previsão é de que a bolsa precificará esses eventos até o final do ano. “Podemos esperar a Bolsa entre 70.000 e 72.000. Isso significa uma valorização esperada de 10%, frente ao valor das ações hoje”. Assim, junto à queda gradual da taxa básica de juros, os investidores, caso queiram retornos crescentes, terão que buscar a renda variável. Logicamente, quem entrar antes no mercado, rentabilizará melhor seus investimentos”, aponta Curadi.

Para o economista, tanto a reforma previdenciária quanto a trabalhista atuam em favor das empresas. A primeira, de uma forma mais indireta, já que os efeitos serão sentidos em longo prazo. “Já a trabalhista, atua de forma direta, pois a flexibilização das relações de trabalho destravam as relações patrões x empregados, o que dinamiza a economia e aquece o mercado interno”. Desta maneira, na visão de Curadi, as ações tendem a se valorizar. “Ambas mostram a força do governo atual em imprimir uma agenda modernizadora, pró-mercado”, opina.

Sobre as recentes concessões feitas pelo governo Temer com relação à reforma da Previdência, Curadi destaca que, em uma democracia, o Poder Legislativo sempre vai buscar aperfeiçoar os projetos, então, mudanças são normais.  O economista ainda contesta a opinião de alguns especialistas de que o impacto não será tão significativo porque o desempenho das ações é muito mais influenciado pelo cenário internacional e pela dinâmica de preços das commodities do que pelas questões de política interna. “Apontar vetores mais ou menos relevantes é sempre um exercício inglório. De modo geral, o cenário internacional, pelo peso da economia de outros países, e a dinâmica das commodities – sendo os itens mais importantes da nossa pauta de exportação – sempre terão um peso recorrente na composição dos índices. As questões debatidas na atualidade apresentam um processo de precificação pontual. No entanto, são dinâmicas diferentes”, analisa Curadi.

Sobre a Interinvest Investimentos
A Interinvest Investimentos é uma administradora de investimentos, independente, fundada em 2007, com sede Blumenau/SC e filial em Florianópolis/SC, dedicada a gerir investimentos no Brasil para fundos de pensão. Atua na gestão de carteira de investidores qualificados e Family Offices.

Fausto Curadi é economista graduado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), especialista em Finanças e Controladoria pelo Instituto Nacional de Pós-Graduação (INPG) e mestrando do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional pela Universidade Regional de Blumenau (PPGDR-FURB).

Mais informações:
Presse Comunicação Empresarial – Assessoria de Imprensa
Blumenau – Santa Catarina
(47) 3041-2990 ou 3035-5482 | www.presse.inf.br

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Presse - Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por: